Saúde

Paraná recebe primeiro lote de vacinas contra a dengue

Nesta quinta-feira (22), o Paraná recebeu o primeiro lote de vacinas contra a dengue, enviado pelo Ministério da Saúde. O envio antecipado das 35.025 doses do imunizante Qdenga, produzido pela farmacêutica Takeda, foi resultado de diálogos entre as secretarias estaduais e a pasta federal. Ao todo, serão encaminhadas 523.005 vacinas para os estados, incluindo Bahia, Tocantins, Rio de Janeiro, Goiás, Mato Grosso do Sul, Roraima, Espírito Santo, Minas Gerais e Santa Catarina.

A descentralização das vacinas começou nesta quinta-feira e será concluída na sexta-feira (23) para 21 municípios da 17ª Regional de Saúde de Londrina e nove da 9ª RS de Foz do Iguaçu, seguindo a orientação da União, por meio da Nota Técnica 14/2024. Os municípios contemplados incluem Londrina, Cambé, Rolândia, Jaguapitã, Ibiporã, Florestópolis, Bela Vista do Paraíso, Jataizinho, Primeiro de Maio, Sertanópolis, Tamarana, Porecatu, Assaí, Miraselva, Lupionópolis, Guaraci, Centenário do Sul, Alvorada do Sul, Pitangueiras, Prado Ferreira, Cafeara, Foz do Iguaçu, Medianeira, São Miguel do Iguaçu, Santa Terezinha de Itaipu, Missal, Itaipulândia, Matelândia, Serranópolis do Iguaçu e Ramilândia.

A faixa etária prioritária para a imunização é de crianças de 10 a 14 anos, sendo recomendado pelo Ministério da Saúde que a aplicação seja iniciada para as idades de 10 a 11 anos. O protocolo de vacinação requer duas doses, com um intervalo de 90 dias entre elas. As vacinas destinadas à aplicação da segunda dose serão enviadas posteriormente.

A vacina Qdenga contém vírus vivos da dengue enfraquecidos de maneira controlada, o que possibilita o desencadeamento de uma resposta imunológica mais rápida do organismo em situações de exposição real ao vírus.

O secretário de Estado da Saúde, Beto Preto, destacou a importância da chegada da vacina no combate à redução do número de casos confirmados e mortes pela dengue. No Paraná, até o momento, foram registrados 45.930 casos confirmados, 130.107 notificações, 16 mortes, além de 31.421 casos em investigação e 47.232 descartados, de acordo com o último informe epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa).

Confira a quantidade de doses por município:
– Londrina: 13.204
– Cambé: 2.676
– Rolândia: 1.854
– Jaguapitã: 400
– Ibiporã: 1.330
– Florestópolis: 306
– Bela Vista do Paraíso: 376
– Jataizinho: 315
– Primeiro de Maio: 224
– Sertanópolis: 389
– Tamarana: 344
– Porecatu: 255
– Assaí: 379
– Miraselva: 52
– Lupionópolis: 132
– Guaraci: 100
– Centenário do Sul: 275
– Alvorada do Sul: 218
– Pitangueiras: 80
– Prado Ferreira: 91
– Cafeara: 64
– Foz do Iguaçu: 7.909
– Medianeira: 1.328
– São Miguel do Iguaçu: 722
– Santa Terezinha de Itaipu: 647
– Missal: 283
– Itaipulândia: 339
– Matelândia: 494
– Serranópolis do Iguaçu: 136
– Ramilândia: 103