Saúde

Paraná inova: piso nacional para a enfermagem é uma realidade

Paraná inova: piso nacional para a enfermagem é uma realidade

A Secretaria de Estado da Saúde do Paraná anuncia uma grande conquista para os profissionais de enfermagem. Após a publicação da Resolução Sesa Nº1332/2023, o Estado deu início ao pagamento do piso nacional para auxiliares, técnicos, enfermeiros e parteiras, contemplando um total de 13.722 trabalhadores.

Esse avanço foi possível graças ao repasse significativo de R$ 49.580.763 do Ministério da Saúde, conforme a Portaria Nº 1.135/2023. Para serem elegíveis a essa medida, os profissionais devem estar atuando em unidades de saúde públicas, contratualizadas ou filantrópicas, que atendam, no mínimo, 60% de pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS) e que sejam administradas pelo governo estadual.

O secretário estadual da Saúde, Beto Preto, enfatizou que este é um passo essencial para o reconhecimento e valorização dos profissionais de enfermagem, ressaltando o papel crucial que desempenham na promoção da saúde pública. Além disso, destacou o compromisso do Governo do Paraná com a qualidade da assistência à saúde e o bem-estar da população, garantindo o direito dos profissionais ao piso nacional adequado.

A assistência financeira complementar será calculada pela União, e a Secretaria da Saúde será responsável pela transferência dos valores e pela definição dos prazos de repasse para cada profissional beneficiado, assegurando que os recursos tenham sido efetivamente depositados no Fundo Estadual de Saúde.