PF prende suspeito de manter fotos de exploração sexual infantil

PF prende suspeito de manter fotos de exploração sexual infantil

O homem foi preso em Bangu

A Polícia Federal prende o banqueiro Eduardo Plass em nova etapa da Operação Hashtag, desbodramento da Lava Jato no Rio de Janeiro.

 

Policiais federais (PF) prenderam hoje (9) em flagrante um homem de 65 anos por manter arquivos com imagens de violência sexual contra crianças. A prisão ocorreu quando os agentes cumpriam mandados de busca e apreensão expedidos pela 2ª Vara Federal Criminal do Rio.

O homem foi preso em Bangu, na zona oeste da cidade do Rio de Janeiro, e é suspeito de ser usuário da deep web, a internet invisível que é palco de atividades ilegais onde criminosos compartilham imagens de abuso e exploração sexual infantil.

As investigações constataram que o idoso, além de armazenar, também transmitia arquivos com cenas de abuso e de exploração sexual de crianças e adolescentes, pela internet, em rede internacional.

Todo o material apreendido será periciado para verificar se o homem também produzia o material ilegal.

Close Bitnami banner
Bitnami