Bolsas da Europa se recuperam e operam em alta hoje

Bolsas da Europa se recuperam e operam em alta hoje

Mercados europeus têm recuperação pelo segundo dia

Foto: Internet Wikipédia

 

As ações europeias saltavam pela segunda sessão consecutiva nesta sexta-feira (20), com uma onda de estímulos fiscais e monetários atraindo os investidores de volta aos mercados acionários depois de dias de vendas em meio a sinais de que o mundo está entrando em profunda recessão impulsionada pelo coronavírus.

A Comissão Europeia disse hoje que está estudando a flexibilização das regras da dívida para os Estados-membros e a emissão de títulos comuns da zona do euro, na tentativa de fortalecer empresas e famílias afetadas pelo colapso da atividade econômica.

No início do dia, o índice FTSEEurofirst 300 subia 3,63%, a 1.174 pontos, enquanto o índice paneuropeu STOXX 600 ganhava 3,67%, a 298 pontos, no caminho de apagar as perdas de toda a semana, mas ainda em seu pior mês em três décadas, conforme a crescente disseminação do coronavírus força os países europeus a entrar em quarentena.

O setor financeiro subia 3,9% em relação a uma mínima de quase 30 anos, com Allianz, Prudential, ING Group e Zurich Insurance Group crescendo entre 8,5% e 12,0%.

O otimismo se refletia em todos os mercados de ações globais, à medida em que o Senado dos Estados Unidos debate um pacote de mais de US$ 1 trilhão, que incluiria ajuda financeira direta para os norte-americanos.

Enquanto isso, fontes disseram à Agência Reuters que a China deve liberar trilhões de iuanes de estímulo fiscal.

Em Londres, o índice Financial Times avançava 2,42%, a 5.276 pontos.

. Em Frankfurt o índice DAX subia 4,81%, a 90.024 pontos.

. Em Paris, o índice CAC-40 ganhava 6,05%, indo a 4.088 pontos.

. Em Milão, o índice Ftse/Mib tinha valorização de 2,52%, a 15.856 pontos.

. Em Madri, o índice Ibex-35 registrava alta de 3,78%, a 6.637 pontos.

. Em Lisboa, o índice PSI20 valorizava-se 2,14%, a 3.672 pontos.

Close Bitnami banner
Bitnami