A Guerra nas Estrelas já está acontecendo!

A Guerra nas Estrelas já está acontecendo!

Para quem acha que o título comenta sobre o filme, engana-se, ela já está acontecendo sob os nossos olhos de meros humanos observadores de estrelas e “satélites”.

Um novo relatório do Pentágono publicado esta semana mostra as ameaças no espaço e adverte que a China e a Rússia estão desenvolvendo capacidades para ameaçar a posição proeminente dos EUA, incluindo lasers que poderiam atingir e destruir satélites dos EUA.

Segundo o relatório, a China provavelmente lançará uma arma a laser baseada no solo capaz de combater sensores espaciais de órbita baixa até 2020 e, nos meados dos anos 2020, poderá lançar sistemas de potência mais altos que estendam a ameaça às estruturas de satélites ópticos e acrescenta que “possivelmente já tem uma capacidade limitada de empregar sistemas de laser contra sensores de satélite”.

Já a Rússia também está desenvolvendo um sistema de armas a laser aerotransportadas (anti-satélite) para usar contra sensores de defesa antimísseis baseados em espaço e está desenvolvendo “um sistema de mísseis móveis baseado em terra capaz de destruir alvos espaciais” em órbita baixa da Terra, além de mísseis balísticos.

O relatório também cita as capacidades iranianas e norte-coreanas.

Por Isaldo Torres

Compartilhe: